Irregularidades em intervalos e descanso em empresa de ônibus não caracterizam dano coletivo

Irregularidades em intervalos e descanso em empresa de ônibus não caracterizam dano coletivo Para a 3ª Turma, não houve afronta aos valores fundamentais da sociedade A Terceira Turma do Tribunal Superior do Trabalho manteve a decisão que absolveu uma empresa de ônibus de Campo Grande (MS), de pagar indenização por danos morais coletivos por ter…